Maceió, 18/Novembro/2018

Resp. Técnico: Dr. José Antonio Martins
CRM AL 4363:RQE 3168

Receba as novidades
do Grupo Amigo:

Cadastre-se

Febre em recém-nascidos é mais perigosa e precisa de médico

 

Moleza, desânimo, falta de apetite, aspecto de doente e testa quente é motivo para pegar o termômetro! A febre preocupa todas as mamães, mas, em geral, não são motivo para alarde, uma vez que representam apenas uma resposta natural do organismo a um quadro infeccioso. Contudo, os cuidados devem ser diferentes se o bebê for recém-nascido. Isso porque até os 28 dias de vida, o corpo da criança não deve apresentar altas temperaturas.
 
Os bebês que acabaram de sair da barriga da mãe normalmente não podem apresentar febre. Se acontecer um quadro febril nessa faixa etária, poderá significar algo mais importante”, esclarece o pediatra Marcelo Reibscheid, que indica o cuidado ideal. “Nestes casos, se a febre surgir, é interessante que esse recém-nascido seja imediatamente examinado por um médico”.
 
Correr para o pediatra, entretanto, só deve acontecer com os bebês que acabaram de nascer. Nos demais casos, o certo é abaixar a temperatura com um antitérmico prescrito por um pediatra e esperar o próximo sintoma. “A febre não indica gravidade e nunca deve ser analisada de maneira isolada. O estado geral da criança sempre é mais importante. Ao surgir febre, fique de olho para notar qualquer anormalidade posterior. Assim que a febre começa, normalmente ainda não há nenhum sintoma. Por isso a orientação para os pais é esperar entre 48 e 72 horas”.
 
A medicação é importante para evitar que a criança tenha uma convulsão. “Existe a lenda de que altas temperaturas podem desencadear uma convulsão, mas isso não é inteiramente verdade. O que pode desencadear a convulsão é a velocidade de elevação da temperatura e não a temperatura final. Por isso a indicação do antitérmico, mas ele nunca deve ser tomado com temperaturas menores de 37,5°C ou 37,8°C, que é o valor que determina a presença da febre”, orienta Reibscheid.
 
Com informações do site Itodas.uol

+ Mais Notícias

Grupo Amigo

Av. Tomas Espíndola, 83 Farol. Maceió-AL. CEP: 57051-000

contato@grupoamigo.com.br

(82) 3021 5887 - 3021-5867 - 9.9946-5344



Facebook
Facebook
LinkedIn
LinkedIn
LinkedIn
Google+